Nossa História

Fundada em 1986,a Ariam tem sua matriz em São Paulo e filial em Santos, e tem como grande difencial a sintonia entre o conhecimento técnico das complexas leis aduaneiras e o operacional do Comércio Exterior, combinado com a expertise da nossa equipe na prestação de serviços personalizados dentro do conceito de parceria total.

A Ariam conta com parceiros bem consolidados em todas as etapas do desembaraço aduaneiro tanto da importação quanto da exportação e, mais que apenas, liberar a carga, a empresa oferece uma estrutura que executa os processos de forma eficaz, dentro da legislação vigente, visando sempre potencializa o resultado logístico e o seu custeamento.

Veja nossos parceiros.

Diferencial

O grande diferencial da Ariam é a sintonia entre conhecimento técnico e operacionaç de comércio exterior com a expertise de nossa equipe na prestação de serviços personalizados, dentro do conceito de parceria total. Com parceiros bem colocados nos principais portos brasileiros, a Ariam faz mais do que liberação de mercadorias, oferecemos uma estrutura que executa os processos de forma eficaz, dentro das normas legais visando sempre potencializar o resultado logístico. Isso é comprovado através do controle de lead time e custeamentos.

Equipe Ariam

Contamos com uma equipe profissional e experiente em nossos escritórios e em todos os pontos de atuação, com vasto conhecimento junto às autoridades aduaneiras e afins.

Compromisso

Todo o trabalho desenvolvido pela Ariam tem como objetivo a correta orientação do importador ou exportador em suas operações logística.

  • Atuação Estratégica
  • Comprometimento
  • Expertise em Comércio Exterior
  • Logística Integrada
  • Profíssionalismo

Ariam Informa

  • O governo regulamento, por meio do Decreto nº 6956/09, o regime de tributação unificada (RTU) na importação via terrestre, para mercadorias procedentes do Paraguai. O mecanimo cosiste no pagamento de todos os impostos que envolvem a operação ( II; IPI; PIS e CONFINS), calculados pela aplicação de alíquota única de 25% sobre o preço de aquisição das mercadorias.
    A operação está sujeita à limites por habilitado e restringe-se por enquanto à relação de mercadorias aprovadas pelo decreto.

  • Dra. Lytha Spíndola, Secretária Executiva da CAMEX, informou em reunião extraordinária de 24/08/09, que estão em endamento a revisão e a reavaliação da lista de mercadorias sujeitas a licenças ou anuências na importação e exportação, com o objetivo de garantir maior agilidade aos processos de comércio exterior. Tal procedimento que deverá reduzir o número de licenças e já está sendo utilizado pela ANVISA e IBAMA.